Atílio Vivácqua

Contarato, O super Herói Capixaba? - O Salvador

O Salvador Contarato, O super Herói Capixaba?

O Espírito Santo foi agraciado com um super delegado de trânsito, um típico super herói Capixaba. As enfáticas afirmações em defesa de medidas punitivas para quem cometia infrações de trânsito faziam parte do lema do delegado Fabiano Contarato. E todos nós sabemos que um super herói sempre tem um lema. "para o alto e avante" era o lema do Superman na década de 80. Heman evocava os "pelo poderes de greiscow eu tenho a força" e obviamente, como não poderia deixar de ser citado, todos lembram do "não contava com a minha astúcia" do Chapolim Colorado.

Por vezes, através das Redes sociais Contarato citava sua missão de combater os crimes de trânsito com fatos de sua vida. Assim como os demais super heróis o seu altruísmo na defesa da humanidade também tinha a ver com sua história pessoal. Tipo quando o Homem Aranha perde o tio assassinado e começa a combater o crime ou o Batman, a ver seus pais assassinados se torna uma grande justiceiro! Assim é o Contarato!

Ano passado, nas eleições Contarato se envolveu em uma relativa confusão eleitoral, se filiou a um partido, o PR, se candidatou ao senado na chapa de candidato a governador, renunciou, saiu do partido em que tinha se filiado e apoiou um outro candidato, diferente do que estava compondo chapa a meses atrás. Incoerência? Só se fosse para um homem comum, afinal, o que um super herói poderia saber de política? Todos sabem que os super heróis só querem fazer o bem. E com essa fama de implacável que quer fazer o bem seguia o nosso super delegado capixaba Contarato.

Apesar de não saber política, o super herói capixaba foi nomeado pelo quase adversário e depois correligionário que venceu as eleições. Contarato foi promovido, ou melhor, ganho novos poderes, como diretor de trânsito. Tudo parecia dar certo para sempre com o super herói capixaba direto da sala de justiça combatendo o crime. Os super heróis e O bem sempre vencem.

Porém, assim como os demais super heróis, Contarato também tinha um identidade secreta!Um homem comum, como todos os outros no meio da multidão o do trânsito. Fora dos holofotes e sem usar seus super poderes midiáticos, o homem comum Contarato também falava ao telefone enquanto dirigia, já chegou a ultrapassar um sinal vermelho, enfim, também cometia infrações de trânsito parecida com os quais combate com vigor pela vitória do bem e da justiça.

Ao ser descoberta a identidade secreta do super herói, os capixabas tendem a perdoá-lo! ora, como nós, seres humanos comuns, que também erram, poderíamos culpar alguém pelos mesmos erros? Na ativação do super poderes, Contarato evoca agora a identidade comum com os habitantes do estado. Sabe que assim terá a simpatia da população e poderá continuar sua cruzada contra o "crime", mesmo que muitas vezes esse "crime" seja os delitos das pessoas comuns, humanas. Já que o que a histórias de super heróis não contam é que onde há justiceiro há pessoas comuns, inocentes ou com pequenos delitos, pagando ao lado de criminosos.

Derrama, Senhor, Derrama, Senhor...

A operação Derrama tem dado não só o que falar, mas o que brigar, o que gritar, o que espernear...

Futebol Amador

Pela pesquisa de ontem certamente o prefeito Juninho seria rebaixado, não para a segunda divisão, mas para a categoria amador mesmo.

Toque no "ungido"

Dizem que Malta tem se gabado das desgraças dos seus ex-afilhados. Seria o poder do ungido?



Texto e Desenho por: Arnóbio Manso Paganotto 



Tags:



Guia Capixabão


Imagine divulgar seu negócio para 45 mil pessoas todos os meses, ser encontrado pelos seus clientes e aumentar suas vendas, mesmo que você não entenda nada sobre sites?