Espírito Santo

Governador recebe produtores capixabas premiados no Brasil - Melhores cafés

Melhores cafés Governador recebe produtores capixabas premiados no Brasil

O governador Paulo Hartung recebeu, na tarde desta segunda-feira (19), no Palácio Anchieta, em Vitória, os cafeicultores capixabas premiados no Prêmio Coffee of the Year Brasil 2018, concurso realizado durante a Semana Internacional do Café (SIC) 2018, em Belo Horizonte (MG). Os produtores do Espírito Santo venceram no tipo arábica e conilon.

Entre as 400 amostras nas categorias Coffea arabica ou Coffea canephora (conilon/robusta) por agricultores de várias regiões do Brasil, os 1°, 2º, 3º e 5º lugares em conilon e o 1º e 2º lugares no arábica são do Espírito Santo.

Dos dez finalistas nacionais do Prêmio Coffee of the Year 2018 para o café conilon, nove eram do Espírito Santo; e dos 25 finalistas nacionais do café arábica, quatro eram do Estado.

Durante o encontro com os produtores, o governador Paulo Hartung destacou que a cadeia de café capixaba apresenta avanços históricos no processo produção e pesquisa.

"Plantamos café até as graves crises de comercialização entre os anos 50 e 60. Tivemos uma crise social duríssima com a erradicação. O Espírito Santo perdeu a base de sustentação econômica daquela época. É uma história bonita, o setor se reinventou. Quem conhece o passado não repete os erros. Daí a importância dessa reunião. Exportadores e importadores estão batendo em nossas portas interessados em nosso café porque hoje somos referência para o País", ponderou Paulo Hartung.

Além do governador, participaram da recepção aos premiados o secretário de Estado da Agricultura, Paulo Roberto Ferreira, e a diretora-presidente do Instituto Capixaba de Pesquisa, Assistência Técnica e Extensão Rural (Incaper), Nara Tedesco.

O secretário da Agricultura, Paulo Roberto Ferreira, disse que o resultado do prêmio é o reconhecimento do importante trabalho desenvolvido pelos cafeicultores capixabas. "Parabenizo todos os cafeicultores que participaram do evento e os vencedores pelo excelente resultado obtido em um prêmio internacional. Isso é fruto do trabalho dedicado que os nossos cafeicultores estão realizando, e também do trabalho de pesquisa e assistência do Incaper, que fazem a diferença no Estado e no País", destacou o secretário.

A diretora-presidente do Incaper, Nara Tedesco, ressaltou a importância do reconhecimento do prêmio para o Estado. "Tenho orgulho de participar desse momento. Fizemos história! Com ações integradas de pesquisa, assistência técnica e extensão rural, além da parceria de diversas instituições, o Incaper está presente na vida desses produtores há mais de 60 anos. E agora fomos coroados pela qualidade da nossa cafeicultura capixaba", disse a diretora-presidente.

No tipo arábica o vencedor foi o café Forquilha do Rio, do produtor Afonso Lacerda, de Dores do Rio Preto, e o segundo colocado foi Deneval Vieira (Sítio Cordilheiras do Caparaó), de Iúna. Já no tipo conilon a primeira colocação ficou com Luiz Claudio de Souza, do Sítio Grãos de Ouro, do município de Muqui. O 2º, 3º e 5º lugares foram da Família Venturim, do município de São Domingos do Norte.


Sobre a SIC

A Semana Internacional do Café (SIC) é um encontro de cafeicultores, torrefadores, classificadores, exportadores, compradores, fornecedores, empresários, baristas, proprietários de cafeterias e apreciadores. O evento acontece na capital do maior Estado produtor do Brasil – Belo Horizonte – e apresenta diversas ações a milhares de profissionais do mundo focadas nas áreas de Mercado & Consumo, Conhecimento & Inovação e Negócios & Empreendedorismo.

Ao todo, a Semana Internacional do Café 2018 contou com 25 eventos simultâneos, mais de 160 expositores, 400 amostras para a escolha dos cafés campeões do ano, mais de 300 compradores internacionais e 140 baristas de 60 países. O evento é uma iniciativa do Sistema FAEMG, Café Editora, Sebrae e Governo de Minas, por meio da Seapa e Companhia de Desenvolvimento de Minas Gerais (Codemge).


Tags:



Guia Capixabão


Imagine divulgar seu negócio para 45 mil pessoas todos os meses, ser encontrado pelos seus clientes e aumentar suas vendas, mesmo que você não entenda nada sobre sites?