Linhares

Coloração amarela da água preocupa moradores de linhares - Rio Pequeno

Rio Pequeno Coloração amarela da água preocupa moradores de linhares

A mudança na coloração é reflexo do fechamento do barramento existente no Rio Pequeno feito pela Fundação Renova


O Serviço Autônomo de Água e Esgoto de Linhares (Saae), responsável pelo abastecimento de água no Município, trabalha ininterruptamente para manter os padrões exigidos pela portaria nº 2.914 do Ministério da Saúde, que determina sobre a potabilidade da água para consumo humano. O trabalho consiste em manter as características naturais do elemento nas torneiras dos domicílios linharenses e embora nos últimos dias a característica referente à sua coloração estejam alteradas, mais amarelada, os padrões de potabilidade para consumo estão aptos.

De acordo com Zércio Largura, diretor de operações do Saae, a mudança na coloração é reflexo do fechamento do barramento existente no Rio Pequeno, fonte de abastecimento do Município. A obra foi feita pela Fundação Renova com o intuito de preservar o manancial do contato com o Rio Doce, após a tragédia de Mariana (MG). "A mudança na característica da água ocorreu após o fechamento do barramento há pouco mais de uma semana e os motivos dessa coloração ainda estão sendo estudados. Porém, essa mudança não altera em nada a potabilidade da água para consumo humano. Está tudo de acordo com os padrões de potabilidade do Ministério da Saude", afirma o diretor.

O diretor de operações salienta que para que não restem dúvidas à população sobre a qualidade da água que sai do Rio Pequeno e é levada até os domicílios linharenses, é realizado constantemente o monitoramento nas estações de tratamento. Os testes acontecem diariamente. "Uma das possibilidades dessa alteração pode ser o crescimento excessivo das macrófitas e em razão disso estamos monitorando ininterruptamente, tratando e afirmamos que a água que chega nas residências dos nossos munícipes está apta para consumo", explica.

O Saae de Linhares está à disposição dos moradores para esclarecer dúvidas sobre o sistema de abastecimento de água na sede do município. Os clientes que notarem problemas de coloração, pressão ou oscilações no abastecimento podem entrar em contato com a autarquia pelo telefone 27 2103-1311 ou registrar a ocorrência pessoalmente na sede do Saae, no bairro Colina. O Saae orienta ainda aos moradores sobre a necessidade da realização de limpeza das caixas dágua periodicamente.


Descarte em hidrantes

O descarte de água, procedimento necessário em todos os hidrantes existentes em Linhares, também estão sendo realizados neste período, para garantir a qualidade da água que abastece a cidade. O procedimento lança água nas ruas o que poderá parecer um exemplo de desperdício, mas, o diretor de operações esclarece que é necessário após as manutenções que ocorreram nas estações de tratamento. Ele explica que é para descarte de alguns sedimentos que ficam alojados no fundo dos reservatórios, garantindo que esses sedimentos não afetem a qualidade da água que chega às casas.


Tags:



Guia Capixabão


Imagine divulgar seu negócio para 45 mil pessoas todos os meses, ser encontrado pelos seus clientes e aumentar suas vendas, mesmo que você não entenda nada sobre sites?