Serra

Pratos divertidos na merenda para crianças - Boa Alimentação

Boa Alimentação Pratos divertidos na merenda para crianças

Quem disse que não pode brincar com a comida? Para incentivar as crianças a se alimentarem melhor e chamar a atenção da garotada para uma alimentação mais saudável, a equipe da merenda da Secretaria Municipal de Educação da Serra (Sedu) está criando pratos divertidos e coloridos.
Segundo a gerente de alimentação escolar, Maria da Conceição Castro, a iniciativa visa aguçar a curiosidade das crianças para novos sabores. "Muitas crianças falam que não gostam de determinado alimento sem nunca terem experimentado", disse.

De acordo com a Sedu, a montagem de desenhos usando os alimentos começou a ser implantado este ano, após treinamento dos profissionais que cuidam das merendas escolares. Na última capacitação, realizada em janeiro, eles foram incentivados a melhorar a apresentação dos pratos. O objetivo é de que até o fim do ano todas as 136 unidades escolares já estejam aderindo à prática.

A secretária de Educação, Nelci Gazzoni, afirma que além de deixar a comida mais atraente para os alunos a iniciativa tem feito com que a quantidade de comida desperdiçada diminua. "Estamos conseguindo atrair a atenção das crianças e adolescentes, mostrar para eles novos sabores e ainda evitar o desperdício", afirmou.

Dia a dia
Para o merendeiro Dilson Silva Araújo, que atua na Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) João Calmon, em Planalto Serrano B, com 835 alunos, é um desafio ser criativo todos os dias para conquistar o paladar da garotada. "Precisamos seguir o cardápio estabelecido pela nutricionista da Sedu, por isso é preciso criatividade e boa apresentação para fazer a diferença e conquistar as crianças", contou.

Durante a hora da merenda, é fácil perceber que seu trabalho tem surtido efeito. Os alunos Weverton Manoel, de 10 anos, Rikelmy Prereira, de 10 anos, e Léo Vitor, de 7 anos, ficam encantados e curiosos com as montagens. "Fico com vontade de comer também", confessou o pequeno Rikelmy.

Dilson trabalha há 20 anos na cozinha diz que é maravilhoso ser elogiado pelas crianças. "Cada vez que ouço um elogio deles é um incentivo para fazer melhor".

A redução no disperdício dos alimentos também é destacado pela nutricionista da unidade, Lara Tozetti de Almeida. "Muitas crianças não têm incentivo em casa para conhecer novos alimentos e quando vêem os desenhos, ficam doidos para colocar no prato. Antes, a rejeição aos legumes e verduras era imediata. Agora, curiosos, eles provam. O desperdício diminuiu muito", afirmou.


Tags:



Guia Capixabão


Imagine divulgar seu negócio para 45 mil pessoas todos os meses, ser encontrado pelos seus clientes e aumentar suas vendas, mesmo que você não entenda nada sobre sites?