Cadastro
Cadastre-se e receba novidades semanais
Cadastro
Pesquisa Personalizada
Cadastre-se grátis!

Especiais
Carteira de motorista de graça: projeto do governo Casagrande

30 de Junho de 2011
Compartilhar:
Facebook
Twitter
Carteira de motorista de graça: projeto do governo Casagrande
Inscrição a partir de julho.

Projeto foi lançado hoje pelo governo; mil documentos serão entregues ainda este ano

Como ter acesso

1 A previsão é que a partir do dia 20 de julho o programa já esteja funcionando

2 Quem estiver de acordo com esses critérios pode se cadastrar no site http://www.detran.es.gov.br/

3 Ao abrir o site, o beneficiário deve preencher todo o cadastro e aguardar a análise do Detran

4 Os selecionados serão convocados para apresentar a documentação que comprove as informações no cadastro

5 Em agosto, sairá a lista dos primeiros mil selecionados para tirar a carteira de habilitação em 2011
Cristina Santos

Dez mil pessoas com renda de até dois salários mínimos começam a ser beneficiadas com a Carteira de Nacional de Habilitação (CNH) de graça a partir do dia 20 de julho, de acordo com a previsão do Departamento Estadual de Trânsito (Detran-ES).

O programa CNH Social, que será lançado amanhã pelo governo do Estado, vai beneficiar, já neste ano, mil pessoas, totalizando as 10 mil até 2014. Além da renda familiar, há outros critérios de seleção: ser estudante de escola pública com boas notas, estar desempregado há pelo menos dois anos, ser beneficiário do Programa Bolsa-Família ou ex-presidiário que tenha cumprido a pena integralmente.

Para ter acesso a uma das mil habilitações disponíveis para este ano, o candidato terá que entrar no site do Detran no final do mês de julho e preencher um cadastro. Se aprovado, ele será chamado até o órgão para levar os documentos que comprovem sua condição social.

O estudante Alan Moura Lordes, de 18 anos, do Colégio Estadual Renata Pacheco, em Jardim Camburi, Vitória, está na expectativa de conseguir a CNH. Ele, que tem os pais desempregados e tem boas notas na escola, comemora: "Já era hora de alunos dedicados serem beneficiados".

Quem pode
Alunos da rede pública com bom desempenho escolar, trabalhadores que estejam desempregados há pelo menos dois anos, beneficiários do programa Bolsa-Família e egressos e liberados do sistema penitenciário são os beneficiários da medida. Todos devem ter renda familiar até dois salários mínimos.
Pessoas que estejam dentro dos critérios para tirar a carteira de habilitação (18 anos completos, ser alfabetizado e ter documentos pessoais) também podem solicitar.

Em setembro, beneficiados vão escolher o centro de formação onde farão o curso.

Imagem: Reprodução
Colunista: Ivan de Freitas


Fonte: Gazeta Online

Desenvolvido por  ar2